Um segredo na Arte de Amar

Márcia Baja // Janeiro de 2021

Há um segredo na arte de amar!

Ela exige que o aprendiz, antes de tudo, saiba descansar em solitude.


A magia do encontro surge da paz e não do desejo, como se costuma acreditar. Não é possível encanto onde há necessidade e desespero.


Por isso, inicie-se primeiro na arte de estar só, de ser amante do silêncio. A ele se entregue pacientemente, sem resistência ou reserva. Deixe que ele te tome por completo até se tornarem tão íntimos que não haja mais separação entre vocês. Se regozije nisso.


Esta é a escola do Amor! Não há outro lugar onde se aprenda a amar. E acredite, você aprenderá muito. Saberá, enfim, que amar nunca foi uma questão pessoal. Pois não importam os agentes – quem ama ou quem se ama – uma vez que o amor é apenas chama e queima independente. Ama quem se entrega pra arder sem razão.

Portanto, com grande confiança e entusiasmo, repouse em solitude e deixe-se queimar. Não busque por mais ninguém, porque não há quem amar. Seja você o próprio amor e incendeie quem se aproximar!

Um segredo na arte de Amar

Poema de Márcia Baja

Janeiro de 2021